Facebook Twitter RSS
magnify
Home Banner Volkswagen obtém R$ 342 milhões para novos projetos
formats

Volkswagen obtém R$ 342 milhões para novos projetos

O BNDES vai financiar a Volkswagen. Nesta segunda-feira o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social anunciou que vai fornecer à montadora o valor de R$342 milhões, que serão destinados ao desenvolvimento de um veículo subcompacto, de um sedã médio e à modernização (facelift) de outros modelos produzidos pela montadora.
O subcompacto ainda não tem nome, mas está prometendo vir mais barato que o Gol G4. Além disso, previsto para estrear no Brasil em 2014, o carro será feito com base no modelo global Up!, lançado no ano passado na Europa – “Os investimentos da Volkswagen apoiados pelo BNDES buscam aprimorar tecnologias já desenvolvidas em veículos lançados em outros países”, confirma o banco. “É o caso da produção do modelo subcompacto, incluindo a nacionalização de suas peças, e do desenvolvimento do sedã médio.”


O modelo será fabricado no Brasil, mas com outra configuração, já que a plataforma global permite alterações significativas. Na Europa, ele é vendido com motor 1.0 de três cilindros de 60 cavalos e 75 cv, além de uma versão com maior eficiência de consumo de combustível, a BlueMotion Technology, também de 60 cv. A Volkswagen pretende lançar ainda este ano a versão cinco portas do Up!, apresentada no Salão de Genebra, além de uma opção de câmbio automático e uma variante totalmente elétrica.
Além disso, o banco informa que o empréstimo inclui investimento em dois projetos sociais desenvolvidos pela Fundação Volkswagen. O primeiro é o Costurando o Futuro, que capacita moradores de baixa renda no entorno das fábricas da VW em São Bernardo do Campo (SP), onde já é realizado, e São José dos Pinhais (PR), por meio do trabalho em oficinas de costura e confecção.
O outro é o “Aceleração da Aprendizagem”, realizado em Resende (RJ) -onde a Volkswagen possui a fábrica de caminhões MAN- e em outros municípios, que será ampliado para o Espírito Santo. O objetivo é reduzir a evasão escolar decorrente da defasagem de idade observada quando o aluno repete de ano várias séries seguidas.
Gostou dessa notícia? Compartilhe!

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *