Facebook Twitter RSS
magnify
Home Dicas Recreio Postura correta na direção pode evitar acidentes
formats

Postura correta na direção pode evitar acidentes

Adotar uma postura correta na direção do seu veículo é fundamental para evitar acidentes. Conforme afirmam alguns estudos publicados, a forma que nos posicionamos no carro pode aumentar a velocidade de resposta do nosso corpo em situações que necessitem de reflexo rápido. Mas como regular o banco e os retrovisores do seu Volkswagen? O blog Vou de Recreio (blog oficial da Concessionária Recreio BH) elaborou algumas dicas para ajudar na hora da regulagem.

Como regular os bancos:

Não dirija com o banco do carro muito inclinado, isso prejudica o ângulo de visão e aumenta os pontos cegos. Procure manter os joelhos flexionados e os calcanhares apoiados no assoalho. Essa posição ajuda amortecer no caso de colisão e proteger a região da bacia. O funcionamento eficaz do sinto de segurança e do air-bag também dependem de uma postura adequada ao volante. A distância entre os braços e o volante deve receber atenção especial. Procure se posicionar de forma que eles fiquem levemente flexionados e possam se movimentar com liberdade em situações de emergência. Nunca dirija com apenas uma mão no volante, a posição sugerida pelos especialistas é a “dez para as duas” (imagine os ponteiros do relógio).

O encosto da cabeça deve ficar na altura dos olhos para evitar o movimento brusco do pesoço (chicote) em caso de colisão traseira. A regulagem incorreta do encosto pode ocasionar uma lesão na coluna dorsal e levar a graves consequências.

Regulagem dos espelhos:

O espelho retrovisor interno deve estar posicionado de forma que você enxergue a maior parte do vidro traseiro. Os retrovisores externos devem ser ajustados de maneira que se enxergue o mínimo possível da lateral do carro. Comece a regulagem de um ângulo mais aberto, onde não se veja nada do automóvel e feche gradativamente.  Ajuste-os de forma que se enxergue apenas a parte final da traseira e o máximo possível do ambiente externo.

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *