Facebook Twitter RSS
magnify
Home Dicas Recreio O que influencia na durabilidade do freio de carro?
formats

O que influencia na durabilidade do freio de carro?

saveiro volkswagen

A longevidade dos componentes do freio de carro, como pastilhas, discos, lonas, tambores e fluido podem variar bastante. A vida útil depende de fatores como tipo de veículo e como é feito o seu uso.

Um aspecto que influencia no desgaste é o estilo de direção. Ou seja, se o veículo é conduzido de maneira tranquila, com acelerações e frenagens moderadas, a durabilidade pode ser maior.

Entretanto, apesar do uso, geralmente ocorre um desgaste mais acentuado dos componentes das rodas dianteiras do freio. Você sabe por que isso acontece?

O eixo frontal responde pelo maior poder de frenagem do veículo. Na maior parte dos veículos, esse conjunto é composto por discos e pastilhas.

Sendo assim, as pastilhas de freio são os componentes que costumam sofrer desgaste mais acelerado. Isso acontece porque são essas peças que tocam os discos e são responsáveis por desacelerar as rodas e imobilizar o veículo.

A extremidade de atrito das pastilhas é composta por resinas, fibras e fragmentos metálicos. Sendo assim, o desgaste acontece de forma natural devido ao atrito com o disco, feito de liga metálica.

Qual é o momento para trocar as pastilhas do freio?

Para que a capacidade de frenagem do veículo não fique comprometida, a espessura das pastilhas de freio não deve ser inferior a 2 mm. A partir disso, a frenagem do veículo ficará prejudicada, sendo necessário realizar a troca.

Outro fator envolvido é que, sem material de atrito, acontece o contato direto de partes metálicas das pinças com os discos, o que compromete a vida útil dos componentes.

Existem veículos que são equipados com dispositivos que indicam o nível de desgaste das pastilhas de freio.

Além disso, o batente metálico também serve de alerta sobre o desgaste. Esse componente entra em contato com o disco quando a espessura da pastilha atinge um determinado nível.

O desgaste pode ser percebido através de um ruído característico e indica o momento de fazer a troca da pastilha. Ficar atento a esses sinais é importante para que o motorista evite que o freio do carro perca a eficiência.

Outro item para ser verificado é o manual do proprietário, que informa os prazos de revisão estipulados pelo fabricante, que incluem a verificação dos freios.

Cuidados com os discos de freio do carro

Ao trocar as pastilhas é importante fazer a manutenção também dos discos de freio. Para isso, é possível fazer o chamado “passe”, ou seja, o recondicionamento.

Não é recomendado que a troca das pastilhas de freio seja feita sem manutenção nos discos. Ou seja, a cada vez que a pastilha for trocada, a superfície de contato deve ser nova.

Ao aplicar uma pastilha nova em um disco gasto, ambos os componentes não encostarão um no outro, o que causaria superaquecimento e prejuízo à capacidade de frenagem.

Cuidados durante o assentamento das pastilhas de freio

Durante os primeiros 200 km ou até 500 km rodados em perímetro urbano pode ocorrer perda de eficiência ou superaquecimento durante as frenagens. Por isso, durante esse período o motorista deve evitar freadas bruscas ou contínuas, além de carregamento excessivo do veículo.

Além disso, é importante também que os discos e pastilhas de freio sejam substituídos sempre aos pares. Assim, cada eixo vai receber novos componentes em ambos os lados, evitando a desestabilização na hora da frenagem.

Por causa disso, geralmente o jogo de pastilhas é fornecido com quatro componentes, para que dois sejam usados em cada roda.

Para saber mais informações como esta, nos acompanhe no FacebookInstagramLinkedin.

No nosso site você descobre as melhores promoções de carros Volkswagen novos em Belo Horizonte e carros seminovos.

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *