Facebook Twitter RSS
magnify
Home Dicas Recreio Blindar seu carro: tudo que você precisa saber
formats

Blindar seu carro: tudo que você precisa saber

Você já pensou em blindar seu carro? Se a sua resposta foi sim, saiba que você não é o único.

Com o crescimento da violência, é cada vez mais comum encontrar pessoas interessadas em blindar o carro. Devido à falta de segurança pública, o Brasil se tornou recordista com a maior frota de carros blindados do mundo.
No entanto, o que poucas pessoas sabem é que é preciso seguir algumas normas. Quem pretende blindar o veículo deve ficar atento para alguns procedimentos. Em 11 de agosto de 2017, algumas mudanças nas normas sobre a blindagem dos veículos no Brasil sofreram alterações pela portaria do número 55 do Exército Brasileiro.

O que você precisa saber antes de blindar seu carro

O que você precisa saber antes de blindar seu carro

 

Confira algumas alterações que você precisa tomar conhecimento antes de blindar seu carro.
Uma delas é a documentação relacionada à blindagem que vai exigir a emissão, por parte do Exército, do CR (Certificado de registro), que será vinculado ao proprietário do automóvel e terá de ser renovado a cada três anos. O carro com teto solar sofrerá restrições. O equipamento terá de ser fixo, sem possibilidade de abertura, e deverá proporcionar a mesma proteção aplicada ao restante da carroceria.

Blindagem é um processo caro e delicado, a instalação é simples dura entre 30 e 45 dias. Os preços partem de R$ 30 mil.

Uma sugestão que muitas pessoas acabam optando para que o valor seja mais acessível ao bolso é comprar o carro blindado usado, uma vez que o preço chega a cair 50% que o valor de blindado original e novo.

Todos os carros podem ser blindados, menos os conversíveis de capota de lona, outro detalhe carros com motorização 1.0 não compensam o ganho de peso. Lembrando mais uma vez que veículos conversíveis não são blindados.

Para evitar prejuízo, é muito importante conferir se a blindagem está dentro da validade, lembrando que um blindado exige uma manutenção preventiva mais frequente do que um veículo original.

Vale ressaltar que os materiais da blindagem deixam o carro mais pesado de 150 a 200kg o que vai demandar ajustes nas molas de suspensão. Depois de 10 km rodados, o veículo deve passar por uma revisão na blindagem.

Níveis de proteção

Na hora de blindar seu carro no Brasil você terá que escolher entre quatro níveis de proteção de blindagem: o I, II-A, II e III-A, sendo o nível I o menor, mais barato e de menor peso, enquanto o III-A fecha a lista no nível mais elevado em relação a resistência, peso e preço.

Conheça um pouco mais sobre cada nível:

Nível I: É a proteção mais simples entre as disponíveis. Resiste facilmente a disparos de armas calibre 32 e 38, mas se mostra vulnerável quando atingido por armas de calibres maiores aos citados anteriormente.

Níveis II e II-A: 
Segundo a tabela americana, ambos se equivalem e fazem parte de um único nível, no qual oferecem proteção a armas de calibre 9 milímetros e à Magnum 357.

Nível III-A: De acordo com a Associação Brasileira de Blindagem (Abrablin), o nível III-A chega a ser até quatro vezes mais resistente do que o nível I. Presente em 95% dos carros blindados no mercado, a nível mais elevado de blindagem oferece resistência a armas de mão de todos os calibres, inclusive a submetralhadoras (pistolas) 9 milímetros e à Magnum 44.

Se blindar seu carro é uma segurança necessária, procure por empresas competentes, idôneas e especializadas que tenha autorizações e licenças para realizar esse procedimento.

Para saber mais informações como esta, nos acompanhe no FacebookInstagramLinkedin e no nosso site você descobre as melhores promoções de veículos.

 

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *